28 de Junho de 2022
Homem em prisão preventiva por violência doméstica
Lusa

Autor do Artigo
45

Um homem de 48 anos ficou em prisão preventiva após ter sido detido “em flagrante delito pelo crime de violência doméstica contra a mãe, de 71 anos”, em Ponta Delgada, revelou ontem a PSP.

Em comunicado, a Divisão Policial de Ponta Delgada da PSP indica que a detenção aconteceu “após uma denúncia a relatar o episódio de violência na residência da vítima”, na freguesia de São Pedro.

Depois de se deslocarem ao local, os agentes da PSP depararam-se com “a vítima já no exterior da residência, em estado de grande nervosismo e choro, informando que, momentos antes, havia sido agredida, ameaçada e expulsa pelo seu próprio filho, o suspeito, que se encontrava fechado no interior da residência”.

A PSP acabou por entrar na habitação, encontrando “o suspeito num estado de grande agressividade, presumivelmente por consumo de matéria estupefaciente”.

O homem, relata a PSP, dirigia “continuamente ameaças de morte à sua progenitora e posteriormente contra a polícia”, pelo que foi “efetuada a detenção em flagrante delito”.

A PSP refere que o detido tem “antecedentes criminais associados à prática reincidente de crimes de violência contra ex-companheira e foi julgado pelo crime de homicídio, tendo cumprido no passado uma pena de prisão efetiva de 15 anos”.

Após ter sido sujeito a um primeiro interrogatório judicial, foi-lhe “aplicada da medida de coação mais gravosa: a prisão preventiva”.

A PSP diz que o suspeito é “sobejamente conhecido” da polícia, “pelo cadastro criminal e historial de diversos episódios de violência contra a progenitora, fragilizada pela idade e pela doença, através de vários episódios de violência física, ameaças e coação que prolongava há muito tempo”.

Um homem de 48 anos ficou em prisão preventiva após ter sido detido “em flagrante delito pelo crime de violência doméstica contra a mãe, de 71 anos”, em Ponta Delgada, revelou ontem a PSP.

Em comunicado, a Divisão Policial de Ponta Delgada da PSP indica que a detenção aconteceu “após uma denúncia a re…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.


Contacte-nos através: 292 292 815.




Outras Notícias
Espanhóis pagam menos pela gasolina do que antes da guerra na Ucrânia
.
Riqueza das famílias cresceu entre 2017 e 2020 e rácio de endividamento baixou
.
Chuva intensa provocou inundações e deslizamento de terras na Praia da Vitória
.
Açores com 452 novos casos na última semana
.