11 de Junho de 2024
Prisão preventiva e domiciliária para suspeitos de roubo e burla informática
Lusa

Autor do Artigo
494

Um homem ficou em prisão preventiva e outro em prisão domiciliária por estarem fortemente indiciados da prática dos crimes de roubo e burla informática na cidade de Ponta Delgada, anunciou hoje a PSP.

De acordo com o Comando Regional da Polícia de Segurança Pública (PSP), os homens, de 32 e 22 anos, foram detidos em flagrante delito na sequência de uma denúncia apresentada junto das autoridades relacionada com "um crime de roubo ocorrido numa rua situada em pleno centro histórico de Ponta Delgada".

Após a denúncia, "foram imediatamente desenvolvidas várias diligências policiais urgentes para apurar os contornos relativos à ocorrência", refere a PSP, em comunicado de imprensa.

Após terem sido interrogados por um juiz de instrução criminal, no Tribunal de Ponta Delgada, os suspeitos vão aguardar "as restantes fases do processo sujeitos a medidas de coação privativas da liberdade, um dos quais em prisão domiciliária e o outro em prisão preventiva", informa ainda a fonte policial.

O Comando Regional dos Açores da PSP sublinha "a eficácia e eficiência" na investigação, porque "permitiu, rapidamente, identificar e deter os autores de crimes graves recentemente ocorridos e, desta forma, garantir a ordem, segurança e tranquilidade pública" na maior cidade açoriana.

Um homem ficou em prisão preventiva e outro em prisão domiciliária por estarem fortemente indiciados da prática dos crimes de roubo e burla informática na cidade de Ponta Delgada, anunciou hoje a PSP.

De acordo com o Comando Regional da Polícia de Segurança Pública (PSP), os homens, de 32 e 22 anos, foram det…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.
Pode tornar-se assinante por apenas 7€ por mês.

Contacte-nos através: 292 292 815 ou jornalincentivo@gmail.com.




Outras Notícias
Número de internamentos por Covid-19 nos Açores baixou em julho
.
A primeira mulher PGR, que mandou prender um ex-primeiro-ministro
.
Sandro Raposo e Tiago Carvalho dos Santos integram administração da SATA
.
Turista morre nos Açores após queda de 20 metros na Ribeira dos Caldeirões em S. Miguel
.