06 de Junho de 2024
Dia Mundial do Ambiente assinalado no Faial
Incentivo

jornalincentivo@gmail.com
361
Visita à Reserva Natural da Caldeia

O Secretário Regional do Ambiente e Ação Climática, Alonso Miguel, assinalou esta quarta-feira, dia 5 de junho, o Dia Mundial do Ambiente, com a realização de uma visita à Reserva Natural da Caldeira do Faial.

"O Dia Mundial do Ambiente, que este ano teve como tema 'Acelerar o restauro da terra, resiliência à seca e à desertificação’, pretende alertar para efeitos da destruição da natureza, perda da biodiversidade e poluição, bem como para os impactos negativos das alterações climáticas”, sublinhou Alonso Miguel.

De acordo com o governante que tutela a pasta do ambiente, “este tema tem um importante significado para os Açores, uma vez que o Governo Regional tem feito um grande esforço financeiro e operacional para garantir a proteção e o restauro de habitats naturais, bem como para assegurar a mitigação e adaptação às alterações climáticas na Região”.

Alonso Miguel afirmou que “a Secretaria Regional do Ambiente e Ação Climática tem em curso, neste momento, quatro projetos LIFE, com o objetivo de promover a conservação da Natureza, a preservação da biodiversidade e a mitigação e adaptação às alterações climáticas, que representam, no seu conjunto, um investimento superior a 40 milhões de euros”.

O Secretário Regional explicou que, “estes e outros projetos, têm por objetivo proteger e recuperar importantes habitats naturais, como, por exemplo, as turfeiras, que são habitats com grande relevância para a regulação do ciclo hidrológico, para a recarga de aquíferos, para a retenção e purificação da água, bem como para o sequestro de carbono e, consequentemente, para a mitigação dos efeitos das alterações climáticas e para o combate à seca e à desertificação”.

“O projeto para Melhoria do Conhecimento da Localização e do Estado de Conservação dos Solos Orgânicos e Turfeiras, que esta Secretaria concluiu no final de 2023, num investimento de 1,5 milhões de euros, é um bom exemplo dos esforços realizados pelo Governo Regional nesse sentido”, acrescentou.

Alonso Miguel revelou que, para assinalar o Dia Mundial do Ambiente, entre muitas outras atividades a decorrer em todas as ilhas, foi promovida a realização de uma visita à Reserva Natural da Caldeira do Faial, contando com a participação de cerca de meia centena de colaboradores da Secretaria Regional do Ambiente e Ação Climática, com o objetivo de sensibilizar e consciencializar a população para a importância da preservação do ambiente e da conservação da natureza.

“A Reserva Natural da Caldeira do Faial foi a primeira área protegida classificada nos Açores, comportando um extraordinário património natural. Trata-se de um hotspot de flora e fauna endémica, que alberga dois terços da flora vascular endémica dos Açores, em perfeito estado de conservação, bem como habitats naturais relevantes, como turfeiras”, concluiu Alonso Miguel.

A Caldeira do Faial ostenta diversos estatutos de proteção, estando classificada como Zona Especial de Conservação (ZEC) e Zona de Proteção Especial (ZPE), no âmbito da Rede Natura 2000, como Sítio Ramsar, bem como geossítio do Geoparque Açores – Geoparque Mundial da UNESCO.

O Secretário Regional do Ambiente e Ação Climática, Alonso Miguel, assinalou esta quarta-feira, dia 5 de junho, o Dia Mundial do Ambiente, com a realização de uma visita à Reserva Natural da Caldeira do Faial.

"O Dia Mundial do Ambiente, que este ano teve como tema 'Acelerar o restauro da terra, resiliência à seca e à …





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.
Pode tornar-se assinante por apenas 7€ por mês.

Contacte-nos através: 292 292 815 ou jornalincentivo@gmail.com.




Outras Notícias
Sporting da Horta garante subida à 1ªDivisão de andebol
.
Governo dos Açores ativa Fundo de Emergência Climática
.
Encontrado corpo de homem na ilha das Flores
.
Governo dos Açores aumenta majorações para fixar médicos na Graciosa e Faial
.