13 de Março de 2023
Governo Regional dos Açores promove exposição no Jardim de Inverno da Colónia Alemã
Portal do Governo

Autor do Artigo
122

Os cabos telegráficos submarinos tiveram uma importância incontornável na história da humanidade – e a presença das companhias telegráficas na Horta registou-se entre 1893 e 1969.

Os vestígios tecnológicos, as memórias socioculturais e arquitetónicas, constituem o roteiro cultural e turístico do Cabo Submarino na Horta.

A chamada Colónia Alemã foi o bairro residencial da empresa Deutsche Atlantische Telegraphengesellschaft, que aqui funcionou entre 1900 e 1943.

O seu Jardim de Inverno alberga um conjunto de vitrais de 1912, com interesse artístico e histórico, que representa a heráldica do antigo Império Alemão.

Face à importância deste património, o Governo dos Açores, através da Secretaria Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, decidiu criar uma exposição permanente, neste espaço do Edifício do Relógio da Colónia Alemã, com o objetivo de permitir a sua abertura ao público, de uma forma musealizada, contextualizando a presença desta companhia em particular, e criando um elemento concreto de visitação do Roteiro do Cabo Submarino.

Este roteiro percorre toda a cidade, desde as casas de amarração dos cabos em Porto Pim, até aos pontos de amarração na praia da Alagoa, com especial relevância para a Trinity House e os bairros residenciais, ao longo da rua Cônsul Dabney.

Com a requalificação deste Jardim de Inverno, inaugura-se uma nova visão sobre o conjunto deste património da Horta, constituindo um contributo inequívoco para a cultura e para o turismo, sendo a reabilitação da Trinity House, que se encontra em fase de projecto, o ponto central deste conjunto.

Marcaram presença no evento de inauguração o Presidente da Assembleia Legislativa Regional dos Açores, Luís Garcia, o Secretário Regional da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, António Ventura, bem como o Diretor Regional das Políticas Marítimas, a Diretora Regional do Ambiente e diversos membros da Administração Regional e Local, bem como elementos ligados ao sector do Turismo, Associações e à comunidade alemã residente no Faial.

Os cabos telegráficos submarinos tiveram uma importância incontornável na história da humanidade – e a presença das companhias telegráficas na Horta registou-se entre 1893 e 1969.

Os vestígios tecnológicos, as memórias socioculturais e arquitetónicas, constituem o roteiro cultural e turístico do Cabo Submarino na Horta.

A chamada Colónia Alemã foi o bairro residen…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.
Pode tornar-se assinante por apenas 7€ por mês.

Contacte-nos através: 292 292 815 ou jornalincentivo@gmail.com.




Outras Notícias
Governo açoriano prevê para breve discussão pública do Plano Regional para Inclusão Social
.
Portugal com maior aumento do preço do azeite na UE em janeiro
.
Festivais de verão das ilhas do Triângulo apresentados na BTL
.
Wet Bed Gang e Delfins na Semana do Mar
.