07 de Dezembro de 2022
Detido homem suspeito de abusar sexualmente da filha
Lusa

Autor do Artigo
44

Um homem de 40 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) na ilha de São Miguel, por estar “fortemente indiciado” de abusar sexualmente da filha durante cerca de quatro anos, revelou aquela força policial.

“Os abusos sexuais começaram quando a vítima tinha 12 anos e prolongaram-se até aos 16 anos de idade, tendo o arguido aproveitado o contexto de coabitação para concretizar os atos sexuais de relevo”, indica a PJ, em comunicado.

Assim, a PJ, através do Departamento de Investigação Criminal dos Açores, “identificou e deteve um homem, por fortes indícios da prática de crimes de abuso sexual de crianças, agravado e de abuso sexual de menores dependentes ou em situação particularmente vulnerável, cometidos contra a filha”.

O detido, de 40 anos de idade, foi presente a um primeiro interrogatório judicial, “tendo-lhe sido aplicadas, entre outras, as medidas de coação de proibição de se aproximar e de contactar com a vítima e restante agregado familiar”, indica a PJ.

Um homem de 40 anos foi detido pela Polícia Judiciária (PJ) na ilha de São Miguel, por estar “fortemente indiciado” de abusar sexualmente da filha durante cerca de quatro anos, revelou aquela força policial.

“Os abusos sexuais começaram quando a vítima tinha 12 anos e prolongaram-se até aos 16 anos de idade, tendo o argu…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.


Contacte-nos através: 292 292 815.




Outras Notícias
Programa Blue Azores debate a revisão da rede de Áreas Marinhas Protegidas dos Açores
.
PCP defende reforço dos incentivos à fixação de médicos nos Açores
.
Romance escrito há 90 anos satiriza preconceito racial e imagina mudança de cor da pele
.
Prisão preventiva para suspeito de violação, sequestro e violência doméstica
.