28 de Novembro de 2022
Deputado independente quer verificação do apoio à natalidade
Lusa

Autor do Artigo
41

O deputado independente no parlamento açoriano revelou hoje que vai apresentar uma queixa à Provedoria de Justiça para verificar a “constitucionalidade” do programa Nascer Mais, negociado entre o Governo (PSD/CDS-PP/PPM) e o Chega.

Implementado como projeto-piloto em 2022, o Nascer Mais prevê apoiar, com 1.500 euros a gastar na farmácia, cada criança nascida nos 12 concelhos da região com maior perda populacional.

Durante o debate do Orçamento foi chumbada uma proposta do BE para estender a medida a todos os concelhos açorianos.

O deputado independente no parlamento açoriano revelou hoje que vai apresentar uma queixa à Provedoria de Justiça para verificar a “constitucionalidade” do programa Nascer Mais, negociado entre o Governo (PSD/CDS-PP/PPM) e o Chega.

Implementado como projeto-piloto em 2022, o Nascer Mais prevê apoiar, com 1.500 euros a gastar na farmácia, cad…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.


Contacte-nos através: 292 292 815.




Outras Notícias
Açores superaram em dezembro dormidas em alojamentos turísticos
.
Quase 20% dos mais carenciados têm sobrecarga das despesas com habitação
.
Câmara da Horta inaugura reabilitação da Rua do Chão Frio e Calço do Porto
.
Governo Regional e SATA readmitidos na Visit Azores
.