18 de Julho de 2022
Portugal com maior taxa de excesso de mortalidade em maio, quase o triplo da União Europeia
Lusa

Autor do Artigo
40

Portugal registou em maio o maior excesso de mortalidade na União Europeia, com uma taxa de 19%, quase o triplo da média comunitária, de 6,6%, revelam os dados publicados  sexta-feira pelo gabinete de estatísticas da União Europeia.

De acordo com os dados publicados pelo Eurostat, enquanto no conjunto da UE o excesso de mortalidade - a percentagem de mortes adicionais em comparação com a média mensal de óbitos no período entre 2016-2019 - recuou em maio para os 6,6% depois de em abril ter alcançado o valor mais elevado de 2022 (10,7%), em Portugal aumentou pelo quarto mês consecutivo, subindo de 12,4% em abril para 19% em maio, o valor mais elevado entre os 27 Estados-membros, seguido da Grécia (17%) e Irlanda (13%).

O Eurostat aponta que cinco Estados-membros registaram valores abaixo da média mensal nacional no período 2016-2019 (anterior à pandemia de covid-19), designadamente Bulgária e Lituânia (ambas com -2%), e Eslováquia, Hungria e Croácia (todas com -1%).

Em Portugal tem-se registado um crescimento progressivo do excesso de mortalidade desde janeiro de 2021, mês em que até se verificou um valor abaixo da média mensal nacional em comparação com o período 2016-2019, de -4,4%. Em fevereiro, aumentou para 4,1%, em março para 6,9% (superando então a média da UE, de 6%), em abril para os 12,4% (face a 10,7% da União) e, em maio, para os 19%, o valor mais elevado em Portugal desde fevereiro de 2021 (24,6%). 

Portugal registou em maio o maior excesso de mortalidade na União Europeia, com uma taxa de 19%, quase o triplo da média comunitária, de 6,6%, revelam os dados publicados  sexta-feira pelo gabinete de estatísticas da União Europeia.

De acordo com os dados publicados pelo Eurostat, enquanto no conjunto da UE o excesso de mortalidade - a percenta…





Para continuar a ler o artigo torne-se assinante ou inicie sessão.


Contacte-nos através: 292 292 815.




Outras Notícias
Abastecimento de água já foi reposto e vias estão transitáveis na Praia da Vitória
.
Cerca de 33% de 106 artigos analisados por projeto europeu contêm substâncias tóxicas
.
Riscos associados às alterações climáticas agravaram doenças infeciosas nos humanos
.
Número de trabalhadores da aviação na UE atinge nível mais baixo em 14 anos
.